João Falcato convida Gerhard Michael Weber
4ªF, dia 23 de novembro, às 15h00, com repetição às 22h00 | Na TSF
João Falcato
Desde sempre fascinado pela conservação dos oceanos, integrou em maio de 1997 a equipa do Oceanário de Lisboa tendo assumido diversos cargos, entre eles a Direção de Biologia. Desde 2006, até à actualidade, ocupa a posição de Administrador Delegado.
Aos 5 anos teve o primeiro aquário e nunca mais deixou essa paixão. Licenciado em Ciências do Meio Aquático é hoje presidente da EUAC (European Union of Aquarium Curators) e membro da direção da EAZA (European Association of Zoos and Aquariums).
Acredita convictamente que os Aquários podem ter um papel essencial na conservação dos Oceanos e fazer realmente a diferença no contributo para um planeta mais sustentável.
Gerhard Michael Weber
Nascido na Alemanha, em 1952, Mike Weber chegou a Portugal em Outubro de 1979 com uma bolsa de estudo em biologia marinha. Descobriu a praia da Aguda cinco anos depois, apaixonou-se pelo local e, ao longo dos anos, criou laços de amizade com pescadores. "Fui centenas de vezes com eles ao mar e dessas incursões resultou o meu primeiro livro de fotografia", conta num português ainda com algum sotaque.
Hoje é Professor Auxiliar no Instituto de Ciência Biomédicas Abel Salazar (ICBAS), da Universidade do Porto, e é coordenador científico e director da Estação Litoral da Aguda.